Banner Noticias Site_Abril_04

Biografia imperdível sobre o maior plagiador do Brasil!

Paulo Francis nunca chegou a ser um grande escritor ou um respeitado ensaísta, mas foi, enquanto viveu, o mais polêmico, o mais cortejado e sem dúvida mais odiado jornalista brasileiro.

Neste livro ousado, corajoso e tão virulento quanto o próprio Francis foi (e publicado enquanto o jornalista ainda vivia), Fernando Jorge desmascara o intelectual supostamente rigoroso, apontando-lhe plágios, erros e injustiças. Para Paulo Francis, Lula era um jumento, além de cachaceiro; Vicentinho, um escravo; a ex-ministra Dorotéa Werneck, sirigaita; Roberto Marinho, um “Homem Porcaria”; Rui Barbosa, ladrão; e o ministro Sérgio Motta, stalinista caipira. Para Fernando Jorge, Paulo Francis não passou de um incompetente utilizador de adjetivos, insultos, frases roubadas ou desvirtuadas.

A vida e os escritos de Paulo Francis são analisados e os erros apontados com rigor, todos documentados. Acima das críticas severas do autor, que às vezes se irrita naturalmente com os absurdos do criticado, este livro é bem humorado, engraçado e altamente instrutivo. Ao nos apontar os erros e disparates de Paulo Francis, Fernando Jorge nos dá uma verdadeira aula de cultura e conhecimento.

Ficou curioso para conhecer a história do maior plagiador do Brasil? Então venha garantir a sua cópia aqui na Nobel!